terça-feira, 17 de agosto de 2010

Um amor líquido

A modernidade líquida em que vivemos traz consigo uma misteriosa fragilidade dos laços Humanos - um amor líquido. A insegurança inspirada por essa condição estimula desejos conflitantes de estreitar laços e ao mesmo tempo mantê-los frouxos'. Zygmunt Bauman.

Um comentário:

Luci Tojal disse...

As relações se tornaram superficiais demais, com isso perdemos a segurança, que poderia combater o estresse. Estresse é insegurança. “Nunca fomos tão sozinhos”, diz Cinzia de Vendicticts, presidente da Associação Italiana Contra o Estresse. Para vencê-lo, a médica italiana dá um conselho: não perseguir objetivos inatingíveis. Mas aproveitar as vitórias, mesmo que sejam pequenas, e relaxar, que vai fazer muito bem.

Contador de Leitura das Páginas - Counter All Hits (desde 31/06/2006)

Contador de Visitantes (de_18/08/2009_até_hoje)

Localização dos Visitantes (de_28/04/2010_até hoje)

Localização dos Visitantes do Antigo Blog (de 21 Agosto 2009 até hoje)