Postagens

Mostrando postagens de 2017

Como é a nossa maneira de fazer Coaching?

Imagem
Em menos de 3 minutos, você vai conhecer a nossa maneira de fazer Coaching. Este é o primeiro vídeo que mostra os alicerces do métodos para você parar de perder tempo. energia e dinheiro no caminho com desalinhamentos e chegar aonde você quer.


Link para o vídeo: https://www.facebook.com/FullnessCoaching/videos/294517141019588/

O que você acha sobre o discurso sobre o Líder Coach?

O que você acha sobre o discurso sobre o Líder Coach?  Eu, quando reflito sobre o tema, encontro alguns pontos que são necessários para a transformação do CHEFE em um LÍDER. Mas chamar esse GESTOR de Líder-Coach, para mim, há diversos silenciamentos nesse discurso e , talvez, alguns exageros ou oportunismo.Vamos ver alguns comentários.   Separo 3 citações: 1) Di Stéfano (2005, p. 07) afirma: “O líder efetivo de hoje é aquele que entende o potencial de seus liderados e reconhece seu papel no desenvolvimento destes” Comentário:
Todo líder deveria fazer isso para continuar a ser líder e garantir o desenvolvimento da organização, não é? A questão não é ser um líder coach, mas sim estar atrasado no tempo e continuar a tratar os seus colaboradores ainda com o mindset da época da escravidão. Entender potencial e reconhecer papel é básico tanto na Liderança como na Psicologia Positiva.  2) "Fazendo alusão à forma de gerenciar, Whitmore (2010, p. 16) conclui: “as polaridadesdo gerenciame…

AS ARMADILHAS BÁSICAS NO USO DA COMUNICAÇÃO NÃO-VIOLENTA – Miki Kashtan

AS ARMADILHAS BÁSICAS NO USO DA COMUNICAÇÃO NÃO-VIOLENTA – Miki Kashtan
Neste artigo, Miki Kashtan, socióloga, facilitadora de Comunicação Não-Violenta e escritora compartilha e analisa algumas das inquietações que são bastante familiares a quem está ingressando no percurso de aprendizado e prática da Comunicação Não-Violenta. 


Obs: numa tentativa de adotar uma linguagem menos sexista optei por utilizar pronomes de gênero no feminino na tradução, já que o artigo foi escrito por uma mulher, em especial quando ela se refere a “nós”. 

Se você domina a linguagem, mas não o espírito por trás dela, tome cuidado…

Original em inglês disponível em: https://www.psychologytoday.com/blog/acquired-spontaneity/201206/basic-pitfalls-using-nvc Tradução: Angelica Rente

Muitas pessoas, quando aprendem Comunicação Não-Violenta pela primeira vez, ficam tão entusiasmadas com as possibilidades que enxergam que imediatamente tentam colocá-la em uso em todos os lugares. Com muita frequência os resultados são de…